A Origem do Mal 2 – Série Sombras do Mundo – Daniella Rosa

0
337

Olá galera!

Hoje vamos falar sobre a continuação de uma história que me deixou muito curioso ao findar a leitura do primeiro volume. A trama envolvendo a protagonista é repleta de situações que mexem com a nossa imaginação e não dá para ficar sem saber como tudo se resolve né?

A Origem do Mal” é o segundo volume da série “Sombras do Mundo”, escrita pela autora Daniella Rosa, e publicada no primeiro semestre de 2019 através da Ler Editorial. São 213 páginas que a gente lê assim num piscar de olhos.

Um pequeno trecho da sinopse:

Alany, finalmente, reconhece que pode se encaixar no mundo oculto que acaba de ser revelado, mas essa certeza não lhe traz tranquilidade. Caçados como criminosos, ela e seus amigos se tornam alvos do poderoso Handall, em uma perseguição implacável… Descobrindo mais sobre si mesma, Alany se sente preparada e não quer se esconder, fará tudo para descobrir a verdade e fazer justiça, afinal, não está mais sozinha. As habilidades diferentes que ela e seu grupo de amigos possuem os tornam fortes o bastante para combater seu maior inimigo.

No primeiro volume, “Crenças e Criaturas” a vida de Alany toma rumos inesperados por ela. Descobriu verdades sobre a sua existência, sobre seus pais, a revelação sobre a sua natureza híbrida e o envolvimento com o lado oculto.  Descobriu sobre as mentiras de sua melhor amiga (ainda que o motivo tenha sido o bem dela). Sua relação com Antony e a paixão pelo Santiago deixaram marcas profundas.

Agora, Alany juntamente com seus amigos como Will e Alamanda e a sua avô Eleanor precisam refugiar-se em um local seguro. Os perigos rondam de perto o grupo, e qualquer vacilo eles podem ser encontrados e caírem nas garras do Ministério, o alto clã dos Celsus.

Algumas respostas e pontas soltas foram explicadas nesse segundo volume, mas ainda há o que ser esclarecido e revelado. Acredito que autora nos reserva ainda algumas surpresas e revelações que poderão nos surpreender no próximo ou nos próximos volumes da série.

Ele conseguia ser misterioso o tempo todo. Mesmo eu, dotada de habilidades que me faziam ver além do que as pessoas normalmente querem mostrar, não conseguia definir o significado daquela piscada” (p. 17)

Vi evolução na forma da Alany encarar os fatos à sua volta. Ela está mais madura, mais segura de si e das pessoas que a cercam. Tem percepção melhor dos seus poderes, e de como pode usá-los de maneira mais eficiente. Tornou-se mais ativa. Ela também demonstra ter adquirido visão mais ampla sobre o mundo sobrenatural que a rodeia.

No que diz respeito à narrativa, a autora segue padrão semelhante. O grande número de fatos e de personagens pode até parecer que há certa confusão, mas eu vejo que são necessários para o desenvolvimento da história e a conclusão dos fatos envolvidos.

Fico agora no aguardo no próximo volume para saber, quem sabe, qual o destino final da protagonista e seus amigos.

Aproveitem e mergulhem nessa história recheada de mistérios.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here